Recentemente,  o Telegram liberou para os desenvolvedores criarem Bots para usar no mensageiro. Bot é um negócio que acho bem legal, inclusive, eu já tinha feito um bot para o tweet em que usei o Google AppEngine. Ele era bem simples, basicamente um script python que usavam o cron e a biblioteca BeutifulSoup, ele postava as notícias do site do Ecomp – curso de Engenharia da Computação da UPE – no Tweet.  Enfim, resolvi me aventurar no desenvolvimento de um bot utilizando a API do Telegram. Vou usar o blog para contar minha saga na criação do meu primeiro bot nesse mensageiro. Isso pode demorar um tempo, talvez nunca ser finalizado, mas vou deixar tudo registrado!

O problema

Desde que acabei o mestrado eu venho olhando quase que diariamente os sites de concurso, na verdade eu só olho o pciconcursos. Minha procura sempre é a mesma, concursos recentes para professor universitário aqui na redondeza de Pernambuco. Meu acesso é bem simples, toda noite eu visualizo a página “Últimas” do site e procuro por concursos para PE, PB ou AL. É simples e mecânico.

A solução

Vendo a possibilidade de criar algo legal com essa API do Telegram, eu corri logo pro BotFather e criei alguns bots. Por enquanto já sou dono do @RodrigoLiraBot, @ConcursoBot, @ConcurseiroBot. Resolvi usar essa minha necessidade de visualizar novos concursos para aprender como manusear com bots do mensageiro.

Bem, já tenho um problema e uma possível solução. Fazer um bot que me informe os concursos recentes e que possa até me informar de alguma novidade que tenha passado despercebido.

Ahh, a forma de criar bots no telegram é bem simples:

  1. Adicione o @BotFather
  2. Escreva: /newbot
  3. Ele pedirá um nome para o seu bot. Escreva o nome.
  4. Se o nome estiver disponível, você terá que adicionar um username. Digite o username.
  5. Você receberá um token de acesso. Agora é só fazer a lógica de comunicação do bot!

Mais informações: https://core.telegram.org/bots/

Quer ver com o um bot funciona? Adiciona o @ImageBot e digita “/get rodrigoclira“.  Voilá. It is me!  😀

Let the game begin!

| Criando um Bot do Telegram (Part 2)

RL,